quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Últimas notícias do Cafezal

No começo da semana escrevi sobre alguns acontecimentos na comunidade que foram notícia até em rede nacional. A situação ficou muito ruim na comunidade quando policiais atiraram contra um jovem de 17 anos e um homem de 39, resultando na morte dos dois. Os traficantes ficaram revoltados e queimaram três ônibus que faziam o atendimento à comunidade. A polícia respondeu com mais violência e foram três dias de total confusão, com várias pessoas feridas, inclusive crianças e mais alguns carros destruídos.
Agora está tudo mais calmo. O amarelinho, que é o ônibus que atende a comunidade, ainda não está funcionando, causando grande trasntorno para a população, pois a comunidade toda é feita de intermináveis morros e é muito difícil e cansativo percorrê-la a pé.
Uma coisa surpreendente é que depois de tudo, a comunidade começou a denunciar as milícias que agiam aqui. Milícias são policiais corruptos que exploram a comunidade, lucrando com o tráfico e chantageando a população. Inclusive as pessoas estão  dando o nome de cada policial que agia erradamente.
O preconceito que sempre é grande, numa hora dessas fica ainda maior. Ontem conversei com um taxista que disse que a polícia estava certa e que não tinha que passar a mão na cabeça de favelado. Um horror! E o pior é que sabemos que esse é um pensamento comum no meio das pessoas que nunca estiveram em uma comunidade. Não é verdade que só bandidos moram nas favelas! A verdade é que a maioria dos moradores de favelas são pessoas honestas que lutam diariamente para sobreviver. Pessoas trabalhadoras que têm que lutar contra o preconceito e a falta de oportunidade. E essas pessoas merecem respeito!
Agora a situação é estável e tranquila. Houve algumas manifestações pela paz e por justiça, mas todas pacíficas. Esperamos e oramos para que a paz volte a reinar aqui, e que as pessoas tenham direito a segurança e uma vida digna.

Segue logo abaixo uma entrevista com alguns traficantes daqui da comunidade.  Gostaria de poder contar com suas orações por esses meninos e por todos os jovens da comunidade do cafezal.


video

0 reações: